Alfredo Ferreiro, Bestiário cultural, Breves, Colaborações:, Fotografia

Na Praia de Valcovo

Acho que pouco ou nada sabia sorrir quando me fiz homem. Agora que me faço velho aprendi. Ainda bem, até porque para enfrentar a morte acho que vai ser útil: Ela é sempre repudiada e saberá agradecer a alguém que a receber cordialmente.

Alfredo Ferreiro por François Davo na década de 90 (Praia de Valcovo, Arteijo)
Share

Leave a Reply