• contacto@alfredoferreiro.com
  • Galiza, Espanha, Europa

II Festa da Literatura de Chaves (FLIC II)

Na próxima quarta-feira, 8 de novembro terá início a II festa da Literatura de Chaves, tendo como entidade organizadora o Clube dos Amigos do Livro de Chaves, instituição que pertence ao Rotary Club de Chaves. Este evento tem como finalidade a divulgação da literatura na cidade e na região apostando quase em exclusivo em autores flavienses e transmontanos em número superior a duas dezenas.

Share

O ato poético

O ato poético puro é somente a sombra de um processo mental, total na sua essência e livre na sua conceição. Mas tal ato não deixa de ser uma imagem própria, uma criação com sentido autônomo, como acontece com as “sombras chinesas”. Alfredo Ferreiro e Pedro Casteleiro (Acrunha, 16 de janeiro de 1994). {Grupo Surrealista Galego}

Share

Herberto Helder, in memoriam

Ontem soubemos que um dos vultos da poesia europeia contemporânea, o poeta português Herberto Helder, iniciou o caminho de retorno. Se calhar ele nunca chegou a saber até que ponto foi o grande referente da poesia moderna para alguns de nós, neste pequeno país chamado Galiza que, sendo o berço certo da lusofonia, esquece cada dia a sua cultura enquanto Read more

Share

Cadáver exquisito

1. Os carlistas imberbes do nabo placidamente cintilam a menina que tirou as calças nos úberes das vacas. 2. Restar pedras ao ar −que não quer os encontros cafeteiros− reverbera intermitentemente o urso pardo da lua entre os papeis da mentira. 3. A razão do mais louco, cujos espaços são curtos, re-mata as casas como as ramas da sem-razão. 4. Read more

Share